Jaqueline Cherulli

por Angela Rossi
Seu nome? 
Jaqueline Cherulli. 
E como os amigos te chamam? 
Jaque. Jack. 
Profissão? 
Juíza de Direito. 
Ponto forte e ponto fraco? 
Ponto forte: Eu creio! Acredito nas pessoas. Ponto fraco: a acidez do meu humor. 
De onde veio seu gosto pela profissão que exerce? 
De minha formação acadêmica.
Um medo?
Não entender o sentido dessa jornada, não terá valido a pena.
Uma mania?
Sonhar.
De quem você é fã?
Cold Play.
Fico feliz quando…
A alegria se manifesta de forma natural.
Seu grande sonho?
O grande despertar que se iniciou em fevereiro de 2020; que o processo se conclua com sucesso!
Uma viagem que fez e recomenda?
Para dentro do nosso ser. Há muitas descobertas, surpresas, mistérios, lugares e cantinhos ainda não explorados. Habitantes esquecidos. Depois dessa viagem, não haverá lugar geográfico que não valha a pena conhecer.
Um desafio?
A humanidade.
Que notícia você gostaria de ler ou ouvir?
Agora todos sabem e descobriram: a cura do homem, está no homem.
Pra quem você daria nora 10 e nota 0?
Nota 10: ao amor espiritual. Nota 0: ninguém, nada merece nota zero – tudo é um processo.
O que te deixa louco(a) da vida?
A sensação da espera sem resposta.
Qual assunto você já não aguenta mais?
A disputa politiqueira de um tempo que algo muito maior acontece e se manifesta, mas tentam reduzir a uma autoria ou paternidade que divide e separa. Somos um!
O que mais gosta em você?
A descoberta diária de que sei muito pouco.
O que é uma prova de amor pra você?
Olhar sem julgamentos.
Para relaxar, nada melhor que…
Música, livro e vinho.
Uma frase que te inspira?
Hoje é um novo dia!
Sua cor favorita?
Azul turquesa.
Música boa mesmo é…
A batida do nosso coração.
Um livro ou um filme?
Vários. Para muitos momentos e aprendizados.
O que você escreveria numa camiseta?
Na frente: Eu escolho a vida! Nas costas: Eu vejo você!
Maior presente que ganhou na vida?
A vida! Assim como ela é!
Para quem você faria uma homenagem especial?
Aos meus pais, meus ascendentes, meus mestres, meu marido, meus filhos e meus amigos.
Como você se vê daqui 10 anos?
Aprendendo, amando, sorrindo, dançando.
Se você pudesse mudar uma coisa no mundo, o que seria?
A mim mesma, todos os dias.
Deus pra mim é…
O amor maior.

O que achou? Participe. Deixe seu comentário.