John Barroso

por Revista Angel

O impressionante legado acadêmico de John Barroso pode até intimidar alguns, mas sua história de superação e o fascínio pelo aprendizado foram as chaves para conquistar um currículo de respeito com os mestrados em Administração, Sociologia, Estatística e estudos de doutorado em Sociologia Econômica pela Universidade de Pittsburgh. Hoje, atua como professor universitário de Matemática e Estatística na Universidade Point Park, nos EUA, e é contista e autor de livros sobre Xadrez e Sociologia no Brasil.

“Aos seis anos, meu pai faleceu e minha mãe me deu para poder casar-se de novo – já que seu namorado exigia uma mulher sem filhos. Nessa época, quando criança, morava numa rua em Gastão Vidigal/SP chamada Rua do Sapo, era a mais pobre da cidade, quase toda com casas de barro, sem iluminação, água ou esgoto. Vivi com parentes e estranhos até os 16 anos. Ainda assim tinha grandes sonhos: queria ser Crítico Literário e estudar na USP. Bem, consegui estudar na USP, onde tive momentos intelectuais inesquecíveis. Quanto a ser Crítico Literário, será realizado em 2021, quando lançarei o primeiro livro de Crítica Literária chamado “Minimalismo Literário Americano”. Esse sonho será realizado apenas 41 anos depois, mas será!”.

“No terceiro ano de Letras na USP, percebi que com o salário de professor praticamente passaria fome. Eu já havia passado fome, então, decidi abandonar Letras e ir para a Matemática, afinal sempre amei duas coisas: Matemática e Língua Portuguesa. Assim, não foi difícil me tornar estatístico, programar computadores e, depois, ser professor”. Hoje, John é o único estatístico da Point Park University, com o privilégio de lecionar o curso mais avançado do tema. “Nos anos de maturação da matemática, ou seja, por vinte anos, não li literatura, mas aos quarenta estava satisfeito com o que sabia e comecei a ler de novo”.

Essa foi a faísca para iniciar um novo ciclo na sua vida. “Lancei um novo livro de contos em julho, o Almas Invisíveis. Esta obra teve repercussão com o professorado de Doutorado em Literatura no Brasil, porém, a pandemia levou ao cancelamento de uma série de palestras sobre Literatura que faria em várias universidades, mas sigo com algumas lives no Facebook”.

“Alguns dizem que este livro será um marco importante na literatura minimalista brasileira. Nele, apresento contos que denunciam uma realidade brutal na cultura, marcada por violências que assolam minorias. O minimalismo no país é pouco conhecido ou estudado. Em 2021, pretendo lançar um novo livro de crítica literária especificamente voltado a apresentar o Minimalismo Americano, que é o que inspirou trabalhos mundo afora. Através dos meus contos pretendo levantar a consciência do público pensante para os problemas sociais brasileiros”.

Livro:
Almas Invisíveis, Editora Kazuá
R$40 + frete

38 Comentários

Renata Cristina Ribeiro da Silva 30 de outubro de 2020 - 19:07

Olá J.Barroso, falo em nome de D.Rosa Martins da Silva. li sua matéria para ela, hoje acamada por uma trombose, ficou encantada com sua história maravilhosa de vida. Parabéns e sucesso sempre!!

Responder
John Barroso 13 de novembro de 2020 - 19:15

Oi Renata. Fico emocionado e desejo á querida dona Rosa. Desejo a ela bons dias por virem e tenho dela memórias inesquecíveis. Grandessíssimo abraço

Responder
Doralice Aparecida Pinheiro Pereira 28 de outubro de 2020 - 08:58

Parabéns pela garra e determinação. Na nossa infância tudo era muito mais difícil e sofrido, mas você não se deixou vencer. Acreditou em seu potencial e foi à luta, assim como outros vidigalenses. É um exemplo para nossos jovens e também para os de idade mais avançada. Tudo de melhor sempre e muito sucesso.

Responder
John Barroso 13 de novembro de 2020 - 19:16

Imensamente grato pelas suas palavras Doralice! Saudades! Beijos.

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:25

Obrigado amiga Lourdes. Estarei de passagem por Rio Preto e Gastão na primeira semana de Dezembro, 2020. Espero vê-la pessoalmente! Será uma grande satisfação e será inesquecível. Sim, volte a ler, leia pois a leitura é uma doação para você mesma. Leia os melhores livros da nossa literatura. A nossa língua é linda e temos grandes obras que te farão pensar, ponderar, tentar ser uma pessoa melhor pois só temos uma vida e ela deve ser uma vida linda. Abraços

Responder
Andre Luiz Duarte 27 de outubro de 2020 - 23:38

Como todo diamante teve de ser gerado sobre condições severas para ocupar seu espaço em admiração por toda eternidade

Responder
John Barroso 13 de novembro de 2020 - 19:18

Só agora vi. Obrigado amigo André. Você, sempre pessoa positiva e inspiradora. Sou felizardo pela amizade.

Responder
Alessandra 27 de outubro de 2020 - 08:39

Parabéns meu amigo, é uma pessoa especial e com uma história de superação brilhante.

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:13

Obrigado amiga. A gente supera, mas as coisas não se apagam. Tenha uma ótima semana, te vejo aí em Dezembro 2020. Abraços

Responder
LUCIMARA APARECIDA MOTA 3 de novembro de 2020 - 19:44

Que depoimento lindo. Também sou de Gastão e me lembro de vc. Vc se lembra do seu Pedro Moura e dona Amélia, que moravam no sítio de seu David Florian (seu Oliveira)? Sou neta dele, filha da Cida e do Nilson Pereira Mota.

Responder
John Barroso 13 de novembro de 2020 - 19:20

Oi Lucimara, me lembro muito bem de todos e todas as “meninas” suas tias! Imensamente grato pelos seus comentários. Agradeço suas palavras e apoio. Grande abraço!

Responder
Rubens Garcia Castilho 27 de outubro de 2020 - 00:04

Parabéns John. Sua garra é típica de um vidigalense. Muitos saíram da cidade, à procura de “dias melhores” como nós. Outros lá permaneceram e, tbem c/ brilho, venceram. Não importa, como e onde. No final, as conquistas, são nossos troféus. E vc conseguiu. Mérito, pessoal, seu. Mais uma vez, parabéns. Rubens Garcia Castilho. RC

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:14

Obrigado Rubens. Você me enaltece e a família Castilho sempre foi parte da minha vida e será para sempre! Grande abraço amigo!!!

Responder
Andre Luiz Duarte 26 de outubro de 2020 - 21:47

Parabéns John é um tesouro nacional …um ser transcendental

Responder
Edson Fernandea 26 de outubro de 2020 - 19:59

Parabéns por essa publicação. J. Barroso é um grabde professor e escritor que eu tive o prazer de conhecer. Um exemplo de conquista e determinação.

Responder
Adriana Zukoski 27 de outubro de 2020 - 01:23

Linda e emocionante trajetória. Que venham ainda muitas conquistas! Parabéns , John!

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:20

Querida Adriana,
Agradeço imensamente suas palavras dóceis. Desejo a você mais sucesso e felicidade que desejo a mim. Estou eternamente grato pela amizade!

Responder
Reginaldo De Souza Brandão 27 de outubro de 2020 - 18:52

Parabéns, Deus te abençoe as dificuldades se torna a esperança.

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:15

Edson, meu amigo, você me inspira. Eu sou um felizardo de tê-lo como amigo. Desde que te conheci vi em você uma pessoa com imensa humanidade!!!!! Você vive no meu coração. Abraços

Responder
João Manoel castilho 26 de outubro de 2020 - 18:18

Fico feliz em ver o brilho do João Barroso. Embora pela diferença de idade, não tenha convivido com ele, sempre soube da sua trajetória de sucesso e isso, me inspira. Vidigalense como ele, também tive muitas dificuldades mas isso, me deu força para “vencer na vida”.
João, que seu exemplo sirva de espelho para nossas crianças e jovens.

Responder
Andre Luiz Duarte 26 de outubro de 2020 - 21:46

Parabéns John é um tesouro nacional …um ser transcendental

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:17

Prezado André,
Você me dá vida e esperança, pois é sempre uma pessoa positiva e por acreditar tanto em mim tanto nas coisas que faço como no xadrez. Você é um irmão que apareceu do nada e ficará para sempre! Grande abraço

Responder
Nelci 26 de outubro de 2020 - 17:04

Um exemplo para juventude.
Trabalhamos no único escritório contábil e Banco Mercantil de São Paulo na cidade de Gastão Vidigal , entre 1975/ 1979. Ainda lembro dessa frase dele, ( vou embora desse lugar, vou realizar meu sonho!)
Parabéns amigo!

Responder
abraço seu colega de Banco Mercantil .Paje 26 de outubro de 2020 - 19:01

João Barroso moramos e passamos muita necessidade na Rua do Sapo podemos dizer que somos heróis.fomos bancários juntos Banco Mercantil.aonde era muito difícil entrar só apadrinhado e nos conseguimos pra mim foi o começo de tudo. hoje vejo vc brilhando fora do nosso país,então está ai faltava somente oportunidade porque talento já tinha e muitos joao Barroso tem por ai mas as vezes por ser pobre não lhe dão oportunidade.

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:18

Querida Nelci,
Tantos anos e nada mudou. Somos ainda os mesmos amigos como éramos naqueles dias ingênuos. Agradeço muito suas palavras de carinho. Grande abraço amiga!!!

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:21

Caro amigo Pajé,
As coisas que nos unem não são boas mas a nossa amizade é e será para sempre uma amizade verdadeira. Grande abraço meu amigo, tudo de bom para você!!!

Responder
José Salgon 26 de outubro de 2020 - 16:53

Parabéns John, fiquei feliz de saber de seu sucesso. Abs

Responder
Ana lucia 26 de outubro de 2020 - 21:52

Parabéns John
Está só colhendo os frutos que vc plantou
Vc merece

Responder
Maria Aparecida Lucas 26 de outubro de 2020 - 22:48

Fico muito feliz por ver que esse amigo conseguiu realizar seus sonhos e tem conquistado os objetivos propostos.
Fui colega de classe, apesar das dificuldades relatadas por ele na infância/adolescência, sempre foi muito estudioso e muito determinado a desafios. Parabéns John !! Muito bom ver seu sucesso e conquistas!
É um exemplo de vidigalense a ser seguido.

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:22

Quanto tempo Salgon!! Me lembro muito bem de você. Agradeço imensamente os comentários. Grande abraço!!

Responder
Antônio Manoel Lima de Holanda 26 de outubro de 2020 - 13:28

Parabéns John! Meu amigo “americano” (ambos somos…)! Continue com seus sonhos, a vida é curta demais, para ser levada a sério! Bela História de superação! 😉♟️🏆

Responder
John Barroso 27 de outubro de 2020 - 16:23

Muito grato amigo Holanda! Estamos aqui com esta bela amizade graças ao xadrez! Tudo de bom para você, para sempre!!!

Responder
Lurdes Fermino Pessoa Ferreira 26 de outubro de 2020 - 12:57

Interessante sua trajetória em uma cidade tão pequena e sua garra para vencer a miséria . TB sou dessa cidade, mas infelizmente as cidades pequenas não tem muito a oferecer, temos que sair. O bom é saber que sua luta não foi em vão, parabenizo , qd puder volte a Gastão, São José do Rio Preto pra falar das suas experiências e ser um influenciador do conhecimento. Eu estou voltando a ler livros

Responder
Marlei 27 de outubro de 2020 - 20:20

J.Barroso, a sua determinação te fez vencer os desafios e alcançar o seu sucesso. Parabéns pela sua trajetória.

Responder
Doralice Aparecida Pinheiro Pereira 28 de outubro de 2020 - 08:58

Parabéns pela garra e determinação. Na nossa infância tudo era muito mais difícil e sofrido, mas você não se deixou vencer. Acreditou em seu potencial e foi à luta, assim como outros vidigalenses. É um exemplo para nossos jovens e também para os de idade mais avançada. Tudo de melhor sempre e muito sucesso.

Responder
John Barroso 13 de novembro de 2020 - 19:22

Marlei, quantos anos! Feliz de te ver aqui. Muito obrigado! Me contacte. Saudades!

Responder
John Barroso 13 de novembro de 2020 - 19:23

Marlei, quantos anos! Feliz de te ver aqui. Muito obrigado! Me contacte. Saudades! Estou no Brasil no momento em que escrevo isso.

Responder
Geovair Benedito Catarussi 9 de abril de 2021 - 21:13

Parabéns john Barroso pelo sucesso sempre foi um garoto de garra quem luta vence que DEUS te ilumine sempre meu amigo abraço

Responder

O que achou? Participe. Deixe seu comentário.